Ovários Policísticos – Você Pode Engravidar!

É muito comum receber o diagnóstico de ovários policísticos. Estima-se que 20% das mulheres em idade reprodutiva em algum momento desenvolvem esta disfunção que se caracteriza pela presença de micro cistos nos dois ovários. Se você tem este diagnóstico saiba que poderá engravidar sim, apesar de poder ocorrer pequenas dificuldades de ovulação e atrasos na menstruação.

Apesar de um pouco mais difícil, também é possível engravidar no caso da Síndrome dos Ovários Policísticos (SOP), que se diferencia dos ovários policísticos por ser um transtorno endócrino (hormonal). Por essa razão, o principal impacto na fertilidade é a dificuldade de ovular já que o desequilíbrio dos hormônios prejudica o bom funcionamento do aparelho reprodutor feminino.


Qual é o tratamento para a Síndrome dos Ovários Policísticos (SOP)?

O primeiro passo para conseguir a gravidez para quem tem SOP é normalizar a ovulação. Através do acompanhamento com um especialista em reprodução humana e baseado no nível hormonal individual, pode ser recomendado um tratamento para normalizar a ovulação. A boa notícia é que muitas vezes é possível devolver a fertilidade natural da mulher tratando os seguintes fatores:

Dieta para o controle do peso: Em geral estar acima do peso pode prejudicar a fertilidade, porém no caso da SOP o controle de peso é ainda mais positivo para o tratamento. Isso acontece porque um dos efeitos da SOP pode ser uma síndrome metabólica que acaba levando à obesidade. Existem muitos casos de mulheres que não conseguiam engravidar por conta da SOP e ao perder peso recuperaram sua fertilidade.

Medicamentos para regular a ovulação: É muito importante que os medicamentos para tratar a SOP sejam individualizados e tomados com acompanhamento especializado através de ultrassonografia, pois os efeitos colaterais de uma dosagem não controlada podem comprometer para sempre a fertilidade da mulher.

Controlar a resistência à insulina: Outro efeito da SOP é a resistência à insulina, que também pode dificultar as chances de gravidez, portanto para engravidar é preciso controlar os níveis de insulina.

Quando a SOP não é o único fator que dificulta a gravidez

É bastante comum que quando a mulher recebe o diagnóstico da SOP ela e seu parceiro acreditem que esta é a única razão para a demora em conseguir a gravidez, no entanto muitas vezes existem fatores que quando combinados, mesmo sendo leves acabam prejudicando a fertilidade. Por exemplo, quando associada a um fator leve de alterações no espermograma. Casos assim podem acabar requerendo outros tratamentos como a Inseminação Artificial ou Fertilização in Vitro.

Dra. Silvana Chedid, especialista em fertilidade e diretora da clínica IVI São Paulo, em um vídeo fala sobre a SOP e seus tratamentos. Assista:

Sobre o IVI

Com sede em Valência, na Espanha, o Instituto Valenciano de Infertilidade (IVI) iniciou suas atividades em 1990. Possui mais de 40 clínicas em 10 países e é líder em medicina reprodutiva. O grupo conta com uma Fundação, um programa de Docência e Carreira Universitária. No Brasil, o IVI conta com clínicas em Salvador e São Paulo, dirigidas respectivamente pelas especialistas Dra. Genevieve Coelho e Dra. Silvana Chedid.



About The Author

Gizelle Cavalcante

Co-Fundadora da Carmel Digital em Fortaleza - Ceará, fundadora (e redatora) do Blog Diz Aí Gi, esposa do Luciano, mãe do Elvis (um Maltês super fofo) e querendo um filho para amar!

Comenta Aí!

Leave A Response

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

* Denotes Required Field